Header

Del Feliz

Natural do povoado de Barreiros, Riachão do Jacuípe/Bahia, Del Feliz, ressalta a influência de sua mãe, Dona Nicinha, cantora de samba e reisado, e dos tios, todos músicos e sambadores. Del despertou desde cedo a paixão pela música e pelas manifestações culturais nordestinas, se tornando um dos mais jovens escritores de cordel da Bahia, aos 11 anos.

Com uma linda história de superação, Del Feliz trabalha desde que começou a andar, foi arrimo de família e, teve dezenas de experiências profissionais, de catador de lixo a radialista, feirante, ajudante de pedreiro, ajudante de padeiro, pintor, faxineiro , diarista, balconista, fotógrafo, administrador, camelô…

Começou a carreira musical tocando percussão, bateria, depois veio a cantar na noite, fazendo voz e teclados, experiência que considera importante para a sua formação como artista.

Ao longo de sua carreira, o cantor e compositor já fez parcerias musicais importantes com nomes da música, como: Dominguinhos, Maria Bethânia, Elba Ramalho, Michel Teló, Fagner, Geraldo Azevedo, Dudu Nobre, Carlinhos Brown, entro outros

Em outubro de 2015, participou do The Voice Brasil, ingressando no Programa com a aprovação dos 4 técnicos: Lulu Santos, Carlinhos Brown, Michel Teló e Cláudia Leitte.

Com 16 CDs e 2 DVDs, gravados de forma independente, Del Feliz tem uma turnê nacional com destaque para o São João, e cumpre uma agenda internacional que inclui países como: França, Estados Unidos, Inglaterra, Portugal dentre outros. Del viaja o mundo divulgando a música nordestina e já se apresentou em importantes casas de show internacionais, como: BB King Blues e Le Poison Rouge, em New York – Cabaret Sauvage, Barrio Latino e La Belle Villoise, em Paris e Guanabara, em Londres, além de ter participado de grandes eventos, como: Brazilian Day – New York – onde fez homenagem nos 100 anos de Luiz Gonzaga, em  2012, Brazil Week, em New York, Lavagem de Madeleine e Festival Ai que bom, em Paris, e Forró London em Londres.

Del Feliz desenvolve um projeto chamado Cantos do Brasil, em que faz duetos com grandes nomes da música brasileira, como Elba Ramalho, Dudu Nobre, Geraldo Azevedo, Spok Frevo e outros, que tem o objetivo de contar a história e destacar tudo o que identifica cada cidade, ressaltando cultura, arquitetura, história, gastronomia, vocação econômica, atrações turísticas etc. Esse projeto já lhe rendeu uma série de premiações e homenagens, incluindo a Medalha Thomé de Souza (maior honraria de Salvador) e dezenas de títulos de cidadania em municípios brasileiros. Del Recebeu ainda, da LBV, em New York, o Título de Mérito em Solidariedade, em 2014, em reconhecimento à sua dedicação na área social e, já recebeu 4 vezes, o maior prêmio da música nordestina, o Troféu Gonzagão.

Del Feliz compôs O hino do São João da Bahia, que foi gravado por 40 cantores, e tem versões em inglês, francês e espanhol.

No mais recente CD, Forró Del Mundo – um trabalho de altíssimo nível, sem abandonar as raízes, com uma série de clássicos nacionais e canções como: Volare (em italiano), Ne me quitte pas (em francês) e Céu de Santo Amaro (Cantata 156 de Bach – com Letra de Caetano Veloso e Flávio Venturini) – releituras que mereceram elogios da crítica musical, e conta com participações especialíssimas, dentre as quais, nomes internacionais, além de Michel Teló.

Del Feliz, que tem uma rica, interessante e respeitável história, faz questão de dizer sempre, que tem muito mais pra escrever e construir, com humildade e o privilégio de viver de sua grande paixão, a música.

DEL FELIZ 2019

Nascido no distrito de Barreiros, município de Riachão do Jacuípe, no semiárido baiano, Del Feliz se destaca pela sua versatilidade e criatividade musical. A paixão pela música surgiu ainda criança, quando era um admirador da cultura nordestina, tendo como principal influenciadora a sua mãe, dona Nicinha, uma autêntica cantora de reisado e samba. Seus tios também têm participação importante na sua construção musical, pois eram tocadores e sambadores.

Antes de ser uma das maiores referências em forró do Brasil, Del Feliz começou sua carreira tocando percussão, e depois cantando na noite em casas de shows de Feira de Santana e Salvador.

Carismático e bom construtor de amizades, Del fez parcerias com os gigantes da música como Maria Bethânia, Dominguinhos, Elba Ramalho, Carlinhos Brown, Dudu Nobre, Geraldo Azevedo, Genival Lacerda, Flavio José, Luiz Caldas, Saulo Fernandes, Michel Teló, dentre outros. 

Em quase duas décadas de carreira, lançou 19 CDs e três DVDs, sendo o último gravado em Salvador com a participação de alguns dos melhores forrozeiros do País, além dos ícones da Axé Music, Saulo Fernandes e Armandinho Macedo.

Em 2015, fez história no programa The Voice Brasil, da TV Globo, sendo aprovado por unanimidade na audição às cegas feita por ninguém menos que Lulu Santos, Carlinhos Brown, Michel Teló e Claudia Leitte.

Carreira Internacional – Em seu projeto Forró Del Mundo, já fez show em dezenas de países, dentre eles: EUA, Bélgica, China, Noruega, México, Inglaterra e França, sempre divulgando a música e a cultura nordestina. Sua última turnê foi no Japão, onde passou por quatro cidades e fez sete apresentações.

Del Feliz também é uma espécie de embaixador do forró. É autor de canções como “Hino do São João da Bahia” e “Eu sou o São João”, que promovem o São João e os ritmos do Nordeste e tem papel marcante no processo de tombamento do forró como Patrimônio Imaterial da Cultura Brasileira.

Os trabalhos lhe renderam homenagens e premiações, incluindo a Medalha Thomé de Souza (que é a maior honraria de Salvador), além de dezenas de títulos de cidadania em diversos municípios brasileiros, como: Feira de Santana (BA), Bezerros (PE), Cruz das Almas (BA), Alagoinhas (BA), Amargosa (BA), Retirolândia (BA), Valente (BA). Em New York, o artista recebeu da Legião da Boa Vontade (LBV) o título do “Mérito em Solidariedade 2014″. E dentre as muitas premiações está o Troféu Gonzagão, o ‘Oscar da música nordestina.”

Em Cuiabá, capital do Pantanal,  Del foi convidado pelo prefeito, para compor a música que homenageia os 300 anos de fundação da cidade.

Show de São João – Suas apresentações contarão com músicos renomados, bailarinas(os) e equipe técnica (ao todo, são cerca de 20 profissionais). Um repertório rico e animado, num espetáculo que alegra e envolve o público.

O show Cordel Feliz, que tem duração de 01h45, é composto por uma série de clássicos do gênero que promove a dança a dois, com os quais o cantor Del Feliz se identifica – por remeter à tradição. A apresentação também possui canções atuais, que através de sua linguagem, buscam aproximar as pessoas, incluindo os jovens, numa perspectiva musical moderna, sem perder de vista a importância de sua raiz.

Novo álbum – Segundo Del, trata-se do melhor trabalho que já fez. O disco “Pra compartilhar” é uma obra com 11 faixas e reúne participações de monstros sagrados como: Elba Ramalho, Flávio José, Santanna, Nando Cordel e Tato (Falamansa). O trabalho conta com composições autorais, e em parceria com Allan Requião e Fábio Salvador.

Artist Songs